Mães Empreendedoras: “Quem tem um porquê, enfrenta qualquer como”

May 08, 2019, 11:30 AM

Dados da FGV mostram que cerca de 50% das mulheres são demitidas após a licença maternidade. Das que continuam, algumas ainda optam por sair do trabalho para ficar mais tempo com os filhos.

De acordo com um levantamento feito pela Catho, o número de mulheres que deixaram de trabalhar depois de terem filhos é quatro vezes maior que o índice de homens.

A solução para todos esses problemas contra as mães no mercado de trabalho não é o empreendedorismo materno. Tem que haver mudanças nas políticas públicas, conversas e muita luta ainda. Mas o empreendedorismo acabou sim sendo a saída que muitas mães arranjaram para serem respeitadas em seu espaço, em seu tempo, com sua cria. 

Hoje, no Brasil, temos 14 milhões de mães empreendedoras.